Just another WordPress.com site

Folha SP

O governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), afirmou na manhã desta segunda-feira (2) que ainda não há definição sobre quando ou se renunciará ao mandato para aumentar a visibilidade de seu candidato à sucessão, o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB).

“Não tem nada decidido. Completo sete anos em dezembro. Temos um vice-governador que é candidato a governador por decisão do partido, com meu entusiasmo. Ele é o vice-governador e pode assumir o mandato. Mas nós não temos nenhuma definição”, afirmou ele, em evento no Palácio Guanabara.

Cabral deve sair do cargo no início do ano que vem, entre janeiro e abril. A data de saída de Cabral será definida quando ele tiver conseguido recuperar parte da aprovação de seu governo. Ele teve o índice mais baixo entre 11 governadores, segundo o Ibope, após a série de manifestações.

Além de dar visibilidade a Pezão, a saída de Cabral também tem o objetivo de acostumar o eleitor à imagem do vice como titular do cargo. Com jeito simples, ele vem se submetendo, nos últimos meses, a especialistas para melhorar sua dicção, expressão corporal, postura e vestuário.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: