Just another WordPress.com site

Em poucos meses o Partido Municipalista Brasileiro atinge uma marca invejável de 400 municipios brasileiros.

Quem milita por dentro dos partidos existentes sabe que manter o omando da agremiação é muito difícil. Uma dor de barriga qualquer nos dirigentes superiores pode colocar seu comando municipal em risco. Uma eleição começa pelo menos dois anos antes de sua realização. Explico! A eleição de 2016 que serão municipais tem início ou passam por esta eleição de geral de 2014.
Um mal resultado nas eleições deste ano podem determinar na queda do Presidente Estadual que nomeou os municípios ora vigentes. Uma atitude considerada normal pelos dirigentes nacionais.
Uma atitude que tomei é de uma conversa franca e aberta com todos os que estão a frente do PRTB. Tenho dito não vamos perder nosso tempo. A obrigação de quem está nos municípios é trabalhar pelos seus candidatos em todos os níveis. Sem excessão. Desde o cargo a presidente da república até aoscargos de deputados.
Não tem como enganar. O comando estadual tem acesso a todos os filiados, seus títulos zonas e seções. Não apereceu votos na cidade, na zona e na seção traíragem.
O dirigente vai cair. Sem dó, nem piedade.
No caso dos municipalistas parece-me algo novo e atraente, porém arriscado já que a promessa de estabilidade é no papel, em cartório.
PARTIDO MUNICIPALISTAA

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: