Just another WordPress.com site

A reunião mensal de correligionários do Partido Trabalhista Nacional (PTN), realizada na noite de terça-feira, 11, em Ponta Grossa, foi marcada pela emoção com a palestra da presidente do Instituto Paz no Trânsito (IPTRAN), de Curitiba, Christiane Yared. Mãe de um dos jovens mortos em acidente envolvendo o ex-deputado estadual Fernando Ribas Carli Filho, em 2009, ela transformou sua dor em luta pela conscientização no trânsito. O evento contou também com a presença de integrantes dos demais partidos que formam a Frente Popular (PTB, PTC, PTdoB, PSL e PRTB), entre eles os vereadores Pietro Arnaud (PTB) e Taíco Nunes (PTN).

“Impossível não ficar tocado pelo depoimento pessoal de Christiane”, disse o presidente estadual do PTN, Elizeu Chociai. Hoje a entidade comandada por ela, desenvolve uma série de programas educativos e de apoio a vítimas de trânsito que passaram por experiências traumáticas como ela. Até mesmo os motoristas infratores recebem orientações no IPTRAN para que não se tornem reincidentes. “Em média, a cada 10 minutos, há uma vítima fatal no trânsito brasileiro”, alertou Yared, para quem o tema merece ser discutido pela sociedade e, especialmente, pelo poder público.

Agora, a expectativa gira em torno da possível candidatura de Christiane Yared a deputada federal nas próximas eleições. Filiada ao PTN, dentro do prazo legal, ela resiste em concorrer ao cargo, mas segundo Elizeu Chociai, uma vez de posse do mandato, Yared poderia ampliar seu trabalho por um trânsito mais humano e pacificado.

Fotos: Divulgação/PTN

Chris 1

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: