Just another WordPress.com site

Webrun.com.br

Os famosos shakes emagrecedores surgiram há alguns anos no mercado. Sempre acompanhados pelo discurso da dieta milagrosa, logo virou moda entre pessoas que querem perder peso. Inúmeras marcas já lançaram sua versão do produto, mas eles realmente funcionam?

Bebidas podem conter alto índice de proteínas e carboidratos/Foto: SirChopin/Fotolia. Bebidas podem conter alto índice de proteínas e carboidratos/Foto: SirChopin/Fotolia.

Porém, as dietas de baixa caloria podem ser perigosas quando feitas por conta própria, sem o apoio de profissionais de saúde. É o que afirma a nutricionista Telma Ranalli: “Os shakes costumam apresentar alto teor de proteínas para acelerar a perda de peso, este excesso compromete o metabolismo e sobrecarrega algumas funções importantes, como a renal e a hepática”.

Já o nutricionista Danilo Balu aponta o excesso de carboidratos que as bebidas podem conter: “Existem opções com mais de 70 gramas de carboidrato (CHO), fazendo com que, em apenas uma refeição, o shake ultrapasse a quantidade permitida em uma dieta low-carb, que prega cerca de 50 gramas por dia”.

“O alto índice de carboidrato é o maior responsável pelo aumento da glicemia e pela liberação de insulina na corrente sanguínea. E a insulina é responsável pela absorção desta glicose como gordura. Não funciona, primeiro porque se baseia numa dieta de restrição de gordura com compensação justamente no nutriente de maior carga glicêmica (CHO). Segundo, porque se baseia em uma hipótese que nunca de deixou de ser apenas uma hipótese, o balanço calórico”, declara.

Além do processo fisiológico, a nutricionista Andrea M. Carraro aborda a questão psicológica: “Além de nos alimentarmos para dar ao corpo a energia e nutrientes que ele precisa, também há a satisfação em comer, que influencia diretamente na sensação de saciedade. Não vejo nenhum benefício em trocar uma refeição que, além de conter todas as substâncias que existem no suplemento, ainda temos o prazer em comer”.

Para conferência de dados, montamos a tabela nutricional comparativa com algumas das principais marcas do mercado. Mesmo usado para a mesma finalidade, podemos notar grandes diferenças nos valores de cada produto.

Vale lembrar que para quem deseja perder peso, o recomendado é procurar um profissional especializado: “O nutricionista irá elaborar um plano alimentar adequado às necessidades de cada indivíduo, promovendo assim a aquisição de hábitos alimentares saudáveis e como consequência, o emagrecimento”, finaliza Telma Ranalli.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: