Just another WordPress.com site

Jornal do Brasil

A deputada Jandira Feghali (PC do B-RJ) declarou que nunca poderia imaginar que, depois de tantos anos de vida pública, pudesse assistir a uma arbitrariedade como a que aconteceu na convenção do partido. Ela chamou de “inverídica” a nota publicada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) nesta sexta-feira (27/6), afirmando que ela teria incitado militantes a hostilizar fiscais no lançamento da chapa Frente Popular, que aconteceu em uma casa de shows na Baixada Fluminense, na noite anterior. Feghali garante que uma investigação séria vai comprovar que os fiscais do TRE estavam acompanhados por “capangas” milicianos que deram início a um tumulto usando spray de pimenta e empurrando autoridades e correlegionários, objetivando impedir a realização da convenção da legenda.

Ao contrário do que destaca a nota do TRE, que considera a realização da convenção um ato ilegal por ser aberta a outros partidos, Feghali garante que a convenção do PCdoB-RJ aconteceu dentro da legalidade, dos prazos e regras determinados pela Justiça Eleitoral. “Aprovamos tudo que tinha que ser aprovado, a candidatura do senador Lindberg Farias [PT] para o governo do Estado, do deputado federal Romário [PSB] para o Senado, o evento estava marcado para até as 23h e fizemos um convite aberto para os partidos coligados, exatamente como a Lei nos permite. Na convenção partidária podemos chamar quem quiser, até porque todos os partidos coligados já fizeram as suas convenções, e eles podem levar também quem quiser”, explicou a parlamentar.

Fontes ligadas à assessoria de Jandira Feghali reconheceram em fotos registradas no evento um homem que teria iniciado a confusão. Segundo essas testemunhas, ele estaria com um colete do TRE e portava uma mochila branca carregada com spray de pimenta . “Esse homem estava com spray de pimenta na mochila e posicionado na entrada da casa de shows, segundo me contaram essas fontes. Foi ele quem começou a empurrar as pessoas e usar o artefato de forma discreta, para não ser identificado. Outros agentes do TRE estavam perto dele”, disse um assessor de Jandira.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Tag Cloud

%d bloggers like this: